Oferenda para Obaluayê

VELAS E OFERENDAS PARA OBALUAYÊ

Muitas pessoas ficam em dúvida sobre como proceder quando os Guias Espirituais mandam que façam alguma firmeza ou oferenda para serem ajudadas e muitas delas deixam de fazer porque, na dúvida, é melhor não arriscar, não é mesmo? Pois bem!

Pensando na resposta que eu havia dado a uma pessoa que pediu orientação sobre como fazer algo na força do orixá Obaluayê, resolvi estender-me um pouco mais nesse tema para que mais pessoas possam fazer suas firmezas ou oferendas com mais segurança e confiança e a cada nova edição do jornal de umbanda. com escreverei sobre os procedimentos de um orixá porque acredito que muitos serão beneficiados com esses pequenos detalhes.

Em casa as velas para o orixá Obaluayê podem se acesas dessas formas:

1-Diante da imagem Dele em um altar para pedidos de proteção e auxilio e amparo divino no nosso dia a dia .

2-No quintal, acesa junto com um copo com agua, faz-se uma oração com palavras próprias e pede-lhe para cortar alguma perturbação espiritual dentro da casa ou com algum dos seus moradores.

No cemitério é preciso adotar alguns procedimentos para fazer da melhor forma possível:

1- Na entrada ou porteira, antes de entrar pede-se licença aos guardiões da porteira para entrar e trabalhar dentro do Campo Santo.

2-A seguir a pessoa entra e vai direto ao cruzeiro das almas ou ao velário e, de joelho, pede licença para firmar velas ou uma oferenda à força com a qual  trabalhará. Depois firmará a oferenda conforme lhe foi orientado e só então fará seus pedidos de ajuda.

3-No cemitério fazemos uma oferenda para trabalhos de cura, de descarrego, para cortar trabalhos de magia negativa, para afastamento de espíritos obsessores ou vampirizadores, etc.

4- As cores das velas podem ser brancas ou violetas.